fbpx

A importância do nutricionista pode ser vista nas conquistas diárias do paciente, como melhora na saúde, disposição, foco e qualidade de vida

A importância do nutricionista é evidenciada em diferentes contextos, desde para pessoas que seguem um plano alimentar mais rígido com objetivo específico até para quem tem uma rotina corrida e consome muitos embutidos, fazendo apenas refeições rápidas.

No segundo cenário, muitas pessoas dispensam o acompanhamento do nutricionista, pois afirmam que se não podem fazer tudo conforme a orientação especializada, como por falta de tempo, não vale a pena.

A seguir entenda qual a importância do nutricionista no contexto no qual o paciente tem menos tempo e alimentação baseada atual em processados e embutidos.

Qual a importância do nutricionista para quem tem pouco tempo?

Diferente do que muitas pessoas pensam, o nutricionista não impõem regras e nem plano alimentar para o paciente e, muito menos, desconsidera a realidade dele.

Assim, existem diversas razões que explicam a importância do nutricionista para casos nos quais a pessoa tem menos tempo, faz refeições rápidas e se alimenta de embutidos e processados.

Melhorar decisões

Uma das grandes contribuições de um acompanhamento com nutricionista consiste no acesso a informações confiáveis sobre alimentação que ajudem na melhor tomada de decisão.

As refeições rápidas, quando se tem menos de 30 minutos, por exemplo, motivam uma tomada de decisão mais impulsiva em relação à comida, o que leva ao consumo demasiado de gordura, açúcares e sódio.

Com melhores informações, fica mais fácil tomar melhores decisões, até mesmo porque, a importância do nutricionista também se deve ao fato dele mostrar que nem sempre a opção mais saudável é a mais difícil.

Com melhores decisões no dia a dia, inicia-se um processo importante de racionalizar sobre as refeições e saber quando uma sobremesa, por exemplo, não vai prejudicar seus objetivos e sua saúde.

Criar um cronograma que considere o tempo disponível

Também é comum imaginar que o nutricionista fornece um plano alimentar muito difícil e irrealista às possibilidades do paciente.

Pelo contrário, o objetivo desse profissional é sempre conciliar uma alimentação mais saudável, com o estilo de vida do paciente e seus objetivos físicos e de saúde.

Dessa forma, o cronograma pode sim considerar opções mais fáceis de fazer, transportar ou encontrar fora de casa, conforme as possibilidades atuais do paciente.

Ajudar na organização das refeições 

Um desafio para quem está tentando comer melhor é fazer a organização das refeições de maneira a ter boas opções mais acessíveis quando necessário.

A importância do nutricionista é porque esse profissional vai orientar sobre essas questões. Boas decisões na hora de fazer as compras ajudam a ter melhores opções disponíveis no dia a dia e fazer boas escolhas na hora da refeição.

Esse planejamento precisa considerar a rotina e estilo de vida individual para ser financeiramente acessível, prazeroso e não gerar desperdícios.

Como essas estratégias impactam na qualidade de vida do paciente?

mulher implementando a importância do nutricionista no dia a diaCom uma consulta, orientações e plano alimentar personalizados às necessidades do paciente, considerando sua rotina, a assistência desse profissional vai resultar em importantes melhoras na qualidade de vida, como:

Controle de peso 

seja para ganhar ou perder peso, o nutricionista vai contribuir na estruturação de uma estratégia alimentar que reúna controle de peso com mais saúde e viabilidade no dia a dia;

Controle de patologias 

a alimentação tem grande influencia em algumas doenças. Com o diagnóstico, o nutricionista consegue apresentar ao paciente algumas opções de práticas diárias que contribuam no controle da condição;

Disposição 

mesmo sem transformar a alimentação e apenas com pequenas mudanças no dia a dia já é possível observar ganhos de disposição e energia no dia a dia para fazer as tarefas cotidianas;

Foco e concentração

É comum para o nutricionista ter pacientes reclamando de falta de foco e concentração nos consultórios. 

Algumas escolhas alimentares também impactam essas questões e podem ser instruídas pelo profissional de acordo com a rotina individual.

Essas melhorias cotidianas em decorrência da orientação do nutricionista tem outro benefício importante, os resultados aumentam a motivação para continuar com a reeducação alimentar.

Diferente do que alguns pacientes imaginam, o objetivo do nutricionista não é apenas passar um plano alimentar estático e universal com alimentos saudáveis.

A importância do nutricionista também está no fato de que a alimentação deve ser personalizada para cada momento da vida e vai depender de variáveis, como:

  • tempo para cada refeição;
  • possibilidade de fazer ou não a própria comida;
  • peso atual e estrutura corporal;
  • prática de atividades físicas;
  • qualidade do sono;
  • diagnósticos de doenças;
  • alterações nos exames;
  • alterações hormonais.

Portanto, são diversas as variáveis consideradas pelo nutricionista na hora de definir qual a melhor opção para o paciente, garantindo a promoção da saúde e bem-estar inclusive para pessoas com menos tempo para esses cuidados.

Entre em contato e agende sua consulta agora mesmo!

Deixe uma Resposta